sexta-feira, 4 de setembro de 2015

MEMORIAL DA SÚPLICA - fragmento



Ouço o som que emana das árvores, das cascas podres das árvores, das sementes das árvores debaixo da terra. Penso que meus pensamentos são como sementes enterradas. 
Então sinto o peso da terra, o peso do pó e da terra.

Antônio B.

Impressões sobre o livro O ÍNTIMO DA CASA, de J. A. Castro

Os poemas do livro O ÍNTIMO DA CASA, de J. A. Castro são janelas e portas que dão para o interior da memória de uma casa habitada na infâ...